Gestão de Condomínios

Gestão de Condomínios

 

Recepção do Imóvel:

  • Recolha, tratamento e arquivo de todos os documentos referente ao edifício
  • Relatório do estado financeiro em que o condomínio é entregue.

 

Administrativos:

  • Elaboração do inventário dos bens do condomínio
  • Celebração dos contratos com as empresas ou pessoas, prestadoras de serviços ao condomínio e ou renegociar/manter os que já servem o imóvel
  • Requerimento de contadores de água e electricidade em nome do condomínio
  • Abertura das contas bancárias à ordem e poupança condomínio
  • Registo do condomínio e pedido do NIPC
  • Verificação da existência do seguro obrigatório por lei
  • Elaboração de convocatórias
  • Realização de assembleias ordinárias ou extraordinárias
  • Redacção de actas
  • Elaboração ou alteração do regulamento interno do condomínio
  • Execução das deliberações tomadas em assembleia do condomínio
  • Representação do condomínio perante as autoridades administrativas e judiciais
  • Efectuar as despesas comuns aprovadas pela assembleia, renegociando, todos os contratos do condomínio com terceiros
  • Exigir da empresa construtora, ao abrigo do período de garantia, todas as reparações necessárias nas partes comuns do prédio
  • Dar apoio aos condóminos e ao condomínio em matérias de interesse para o condomínio
  • Agir judicialmente, sempre que necessário, contra os condóminos ou contra terceiros no desempenho das funções de administrador.

 

Financeiros contabilísticos:

  • Liquidação das despesas do condomínio
  • Apresentação de orçamentos necessários para realizar as operações e outros actos necessários à conservação dos bens comuns
  • Emissão de avisos para cobrança de quotas mensais
  • Emissão de recibos de pagamento de quotas
  • Apresentação de contas semestrais ou sempre que solicitada.

 
desenvolvido por Megaklique